O câncer de pele é o tipo de câncer mais comum e representa quase a metade dos diagnósticos de câncer. Este câncer ocorre pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele e ocorre com mais frequência em pessoas de pele clara e suas localizações mais comuns são face, pescoço e mãos que são, exatamente, as áreas mais expostas ao sol.

Todo cuidado é pouco, o sol é o principal fator de risco no desenvolvimento do câncer de pele, portanto evite a exposição prolongada ao sol e proteja-se sempre com  filtro solar. Aconselhe-se com o seu dermatologista para saber qual o filtro e a proteção indicada para o seu tipo de pele. A boa noticia é que o câncer de pele é uma doença que tem cura, se descoberto logo no início.

Outros fatores de risco para desenvolver o câncer de pele são: histórico familiar de câncer de pele; pessoas de pele e olhos claros, com cabelos ruivos ou loiros; pessoas que trabalham frequentemente expostas ao sol sem proteção adequada e pessoas que tiveram  exposição prolongada e repetida ao sol na infância e adolescência.

Para prevenir o câncer de pele devemos evitar a exposição prolongada ao sol no horário das 10h às 16h, utilizar sempre  bonés e chapéus de aba larga, óculos escuros e filtro solar com fator mínimo de proteção 30....Importante: O filtro solar deve ser reaplicado a cada duas horas durante a exposição solar.



C_NCER_DE_PELE.jpg
C_NCER_DE_PELE_2.jpg