Dermatite de contato (ou eczema de contato) é uma reação inflamatória na pele que ocorre devido ao contato da pele com um agente irritativo ou que cause alergia.Existem dois tipos de dermatite de contato: a irritativa e a alérgica.

A dermatite irritativa é causada por substâncias ácidas ou alcalinas, como sabonetes, detergentes, solventes ou outras substâncias químicas. Pode aparecer na primeira vez em que entramos em contato com o agente causador e é uma forma que ocorre em um grande número de pessoas. As lesões da pele geralmente são restritas ao local do contato.


A dermatite alérgica de contato aparece após repetidas exposições a um produto ou substância. Ela depende de ações do sistema de defesa do organismo, e por esse motivo pode demorar meses a anos para ocorrer, após o contato inicial. Essa forma de dermatite de contato ocorre, em geral, pelo contato como produtos de uso diário e frequente, como perfumes, cremes hidratantes, esmaltes de unha, medicamentos de uso tópico, entre outros. As lesões da pele acometem o local de contato, podendo atingir outros à distância.

Alguns produtos causam reações somente após exposição solar concomitante, como o sumo de frutas cítricas e perfumes.  Outros produtos podem entrar em contato com a pele quando carregados pelo ar, como inseticidas em spray e perfumes para ambientes.

As dermatites de contato podem ocorrer tanto no ambiente doméstico como nas atividades de laser e no trabalho. Neste último é chamada de dermatite de contato ocupacional.

O tratamento da dermatite de contato depende do tipo (irritativa ou alérgica) e da fase em que se encontra variando de acordo com cada caso, e deve ser determinado pelo médico dermatologista. São utilizadas medicações de uso local e de uso oral para diminuir o processo inflamatório e o prurido, que muitas vezes é desesperador. Evitar o contato com as substâncias que desencadeiam a dermatite é fundamental para o sucesso do tratamento.



derma_de_contato2_-_image044.jpg
DERMATITE_DE_CONTATO.jpg